Preparando-se para a viagem


  • 14/04/2016 - 14:44
  • Compartilhe:

Precisa viajar para assistir um show? Não deixe que este momento tão especial vire uma dor de cabeça. Após comprar seu ingresso fique atento às dicas abaixo para uma viagem tranquila:
Pesquise com antecedência sobre meios de transporte e passagens aéreas
A passagem pode ser comprada de várias formas: em escritórios de agências de turismo, direto com as companhias aéreas (pela internet, por telefone ou nas lojas físicas) ou em sites que comparam preços na internet.Caso prefira comprar sua própria passagem use o modo anônimo. Para quem ainda não sabe, muitos dos sites de compras alteram seus preços dependendo da quantidade de cliques que você faz em certas buscas. Então evite esta frustração e garanta os melhores preços por meio da navegação anônima ou privativa na internet.
Verifique a melhor opção de passagem aérea e hospedagem com base no horário e local do show
Caso o show termine muito tarde e seja em uma região que você não conheça, ficar hospedado em um hotel mais próximo à casa de shows é uma boa opção.É importante verificar se o transporte público estará disponível no dia e nos horários desejados (muito tarde ou muito cedo, em feriados e/ou dias atípicos).
Porém, caso o voo com melhor custo benefício encontrado seja muito cedo e a cidade possua um transito mais intenso, verifique se não vale a pena escolher uma hospedagem mais próxima ao aeroporto. Veja com antecedência a melhor maneira de chegar ao aeroporto/hotel/casa de shows. Em alguns casos, o táxi pode sair tão caro quanto a passagem.
Qual a diferença entre escala e conexão?
Na hora de comprar a sua passagem, você verá que alguns voos são diretos para o destino escolhido e outros têm conexão ou escala em outras cidades.
Em voos com conexão, o passageiro desembarca da aeronave em outra cidade e embarca em outro avião rumo ao destino final. Se este for o seu caso, siga as indicações dos agentes aeroportuários. Eles indicam aos “passageiros em trânsito” o portão e o horário de embarque do próximo voo. Nos voos nacionais, as malas são transferidas para outra aeronave pelos próprios funcionários da companhia aérea. Portanto, não é preciso se preocupar com a sua.
Nos voos com escala, o avião aterrissa em uma ou mais cidades antes do destino final, para desembarque e embarque de outros passageiros. Porém, não é preciso deixar a aeronave.
Arrume as malas com antecedência
Caso seja menor de idade, é necessário verificar os procedimentos específicos adotados pela companhia aérea escolhida. Não se esqueça também de dar uma olhada na faixa etária do evento e se há necessidade de autorização para participar do mesmo.
– Os viajantes podem levar dois tipos de bagagens no voo: a bagagem de mão, que deve ter no máximo cinco quilos e será carregada por você no avião, e a bagagem que será despachada pela companhia com no máximo 23 quilos.
Lembre-se que está indo para outra cidade/estado, então pesquise como está o clima antes de escolher suas roupas. Mesmo no verão, leve um casaco, pois o ar condicionado dentro do avião pode estar forte.
– Na bagagem de mão devem ser colocados objetos de valor, como carteira, celular, documentos, computador e aparelho de MP3. Por medidas de segurança, não entram na mala objetos cortantes (alicate, tesoura de unha, canivetes etc.), frascos com líquidos com mais de 100 ml e produtos inflamáveis ou explosíveis (como isqueiros e sprays) entre outros.Lembre-se que está indo para outra cidade/estado, então pesquise como está o clima antes de escolher suas roupas. Mesmo no verão, leve um casaco, pois o ar condicionado dentro do avião pode estar forte.
– Vale identificar a bagagem com um adesivo ou com alguma fita para não confundi-la com a de outra pessoa na hora da retirada. É recomendável colocar também um cadeado para proteger os pertences.
– Leve chicletes com você. Algumas pessoas sentem dor de ouvido principalmente no momento do pouso e da decolagem. Simular bocejos ou mascar alguma coisa ajuda a aliviar o desconforto. Para quem costuma sentir enjoos, leve o remédio habitual. Relaxar e respirar pausadamente também ajuda a diminuir a sensação de náusea. Evite ingerir bebidas alcoólicas antes da viagem, já que a altitude potencializa os efeitos do álcool.
No dia anterior a viagem:
– Faça uma lista com telefones, endereços e horários importantes para não se confundir e acabar perdendo algo importante.
Deixe os documentos necessários para a viagem a mão (as companhias aéreas pedem um documento oficial com foto, por exemplo, a carteira de identidade (RG)).
– Salve imagens dos seus documentos antes de viajar.
– No caso de perda ou furto, é muito útil ter cópias extras do ingresso, dasua identidade e dos documentos que mostram seus voos e reservas salvas no seu smartphone ou tablet.
Dia da viagem
– O ideal é chegar ao aeroporto duas horas antes do voo para poder realizar todos os procedimentos sem correria.
– Ao chegar ao aeroporto, procure pelo balcão de embarque da companhia aérea em que irá viajar. É o momento de fazer o check-in. É aqui que você deverá se apresentar com o documento de identificação. Se possível, leve o bilhete da passagem aérea emitido no momento da compra (chamado também de e-ticket). Isso facilita a vida do atendente. 
– Você deve entregar a mala grande no check-in. Ela será pesada, identificada e despachada. O funcionário lhe entregará o cartão de embarque com informações sobre o seu voo. Guarde bem este papel, pois ele garante sua entrada no avião.
– Feito o check-in, você deve procurar pelo local onde são feitos os embarques. Há um salão para Embarque Doméstico (voos dentro do Brasil) e outro para Embarque Internacional (voos para o exterior). É obrigatório passar pelo detector de metais. Lembre-se de tirar todos os objetos metálicos que portar (chaves, moedas, cinto), que devem passar junto com a bagagem de mão no raio-X. Após isso, é a hora de procurar pelo portão de embarque, cujo número está indicado no cartão. Veja a informação no monitor que mostra a porta correspondente a cada voo.
– Uma vez no portão, veja se o número do seu voo está escrito no monitor que fica no alto da porta. Fique atento aos chamados pelo alto-falante, pois o portão pode ser alterado no meio do caminho.
– Dentro do avião, procure por seu assento assinalado no cartão de embarque. Os comissários de bordo explicarão os procedimentos de segurança. Os aparelhos eletrônicos devem ser desligados na hora do pouso e da decolagem. O celular precisa permanecer o tempo todo desligado ou no modo avião. Não é permitido fumar a bordo. Durante a viagem, deve ser servido algum lanche e bebidas, mas se o voo for longo, o melhor é alimentar-se bem antes ou levar petiscos a bordo. Se quiser, pode tirar fotos dentro do avião para registrar o momento, só procure não incomodar os demais passageiros.
Desembarque
– Ao sair do avião, fique atento para não esquecer seus pertences.
– Ao chegar ao destino final, você deve ir até a área de desembarque e procurar pela esteira assinalada com o número do seu voo. É lá que você pegará sua bagagem. Na dúvida, basta seguir as pessoas de seu voo. Fique de olho até aparecer a sua mala e confira, antes de pegá-la, se é mesmo a sua. Não se preocupe se não conseguir pegar sua bagagem na primeira vez, pois ela passará de novo.
Imprevistos
– Se a mala não chegar, procure a companhia área. Em geral, elas possuem um balcão na própria sala de desembarque. O importante é não deixar para depois, após sair do aeroporto as coisas ficam mais complicadas.
– Em caso de atrasos e cancelamentos de voo mantenha a calma e procure o balcão da cia aérea.
É importante estar ciente de que ao comprar uma passagem você estabelece com a empresa aérea um contrato de transporte. Portanto, caso se sentir prejudicado ou tiver seus direitos desrespeitados, dirija-se primeiro à companhia aérea contratada para reivindicar seus direitos como consumidor.