Celebridades coreanas são acusadas de bullying por internautas; entenda


  • 22/02/2021 - 15:31
  • Compartilhe:

Sucessivas acusações de bullying tem chamado à atenção

Diversas celebridades coreanas têm sido alvo de acusações de que teriam cometido violência contra colegas na época da escola. Os casos têm repercutido entre internautas sul-coreanos e gerado especulações sobre o que tem motivado tantas acusações.

O assunto teria ganhado visibilidade principalmente após as irmãs e atletas Lee Jaeyeong e Lee Dayeong terem sido expulsas do time nacional de vôlei na semana passada, após terem sido acusadas de praticar bullying contra colegas na época em que estudavam. Após o caso das gêmeas ganhar repercussão nacional, diversas publicações sobre supostas práticas de bullying praticadas por celebridades ganharam notoriedade na mídia sul-coreana.

Mingyu (Seventeen), Park Hye Soo, Kim So Hye (ex-I.O.I), Soojin ((G)-IDLE), Kim Dong Hee, Hyunjin (Stray Kids) foram algumas das celebridades que foram acusadas de já terem cometido algum tipo de violência escolar por internautas.

Tantas acusações em um curto período levaram a especulações e questionamentos sobre a veracidade das publicações. Nas postagens, muitos alegaram ter tido coragem de falar sobre o assunto após outros casos de bullying praticados por celebridades ganharem visibilidade.

Outro motivo que teria motivado as acusações é uma mudança no site de busca Naver, um dos mais utilizados na Coreia do Sul. A partir do próximo dia 25, o Naver não exibirá mais a lista de termos mais buscados em sua plataforma. Similar aos “trending topics” do Twitter, o recurso permite que os internautas se mantenham “atualizados” sobre o que está sendo mais comentado no momento. A mudança gerou polêmica e uma das críticas dos internautas foi que artistas envolvidos em polêmicas serão beneficiados pela alteração, já que não será mais tão fácil ficar sabendo sobre os “assuntos do momento”. Os supostos casos de bullying teriam vindo à tona, portanto, para “aproveitar” que o Naver ainda não retirou a lista de assuntos mais comentados. Por outro lado, o recurso do Naver também dá visibilidade a rumores e polêmicas, que muitas vezes, se provam falsas.

Assunto sensível na Coreia, a violência escolar é um problema recorrente entre estudantes do país. Após as publicações, algumas empresas responsáveis pelos artistas envolvidos se manifestaram.

A Pledis Entertainment negou as acusações contra Mingyu, do Seventeen, e afirmou que as queixas são “totalmente falsas e sem fundamento”.

Soojin, do ((G)-IDLE), falou pessoalmente sobre o assunto. Ela disse ter se vestido “de forma inadequada para uma estudante” e admitiu ter fumado algumas vezes por curiosidade. A cantora também reforçou a declaração de sua gravadora, a Cube Entertainment, e disse ter tido desentendimentos com ex-colegas, mas negou que tenha praticado qualquer ato de violência contra elas.

A JYP Entertainment afirmou que está “verificando sobre as acusações” contra Hyunjin, do Stray Kids.

As empresas de Kim Dong Hee, Kim So Hye e Park Hye Soo também negaram que seus artistas tenham praticado violência escolar.

Acesse nosso canal no Telegram e receba atualizações sobre o mundo do entretenimento asiático