Gikwang, do Highlight, vence julgamento sobre difamação movido contra político


  • 15/10/2020 - 14:49
  • Compartilhe:

O cantor Gikwang, do grupo Highlight, venceu o primeiro julgamento de um processo movido pelo cantor contra o político Kim Geuntae (Partido Popular). O gravadora do artista, a Around Us Entertainment, falou sobre o assunto em um comunicado à imprensa, nesta quinta-feira (15).

O processo trata de uma acusação feita pelo político em abril. Na época, Kim Geuntae acusou uma empresa de publicidade de usar dados de pessoas adquiridos ilegalmente para manipular resultados de artistas nas paradas musicais, prática conhecida em coreano como sajaegi. Gikwang foi um dos artistas acusados pelo político que teriam sido supostamente beneficiados pela manipulação. O cantor moveu uma ação contra Kim Geuntae por difamação, alegando que as informações espalhadas pelo político eram falsas.

Em comunicado, a gravadora do Highlight informou que Gikwang venceu o primeiro julgamento, realizado no último dia 13. “Em relação ao processo civil para o pedido de indenização de danos, informamos que vencemos o primeiro julgamento, quando foi determinado que o réu será responsável por indenizar (Gikwang) por danos materiais e psicológicos em decorrência de seu ato ilícito, visto que o réu não apresentou defesa”, disse a Around Us. A empresa disse que continuará “contribuindo com as investigações” e fará uma denúncia criminal caso a defesa do político faça pedido de recurso.

Para a imprensa coreana, Kim Geuntae informou que “não recebeu a intimação para comparecer ao julgamento” e por isso não apresentou defesa. O político afirmou que seu advogado entrou com um pedido de recurso e “fará um comunicado em breve” sobre as acusações. Gikwang está atualmente cumprindo o serviço militar obrigatório.