Gravadora diz que encerrou investigação sobre acusações de bullying contra Mingyu, do Seventeen


  • 22/03/2021 - 14:18
  • Compartilhe:

Empresa voltou a defender Mingyu de acusações feitas por internauta

A gravadora Pledis Entertainment informou no último domingo (21) que encerrou as investigações sobre as acusações de bullying feitas contra o cantor Mingyu, do grupo Seventeen. A empresa voltou a afirmar que não encontrou nenhuma evidência de que Mingyu tenha praticado bullying na época do colégio.

Mingyu foi uma das celebridades sul-coreanas acusadas durante o movimento “anti-bullying” que tomou conta das redes sociais do país no final de fevereiro. Apesar de negar as acusações, a Pledis anunciou que Mingyu ficaria temporariamente afastado das atividades do grupo. No início de março, a empresa disse ter conversado com o autor de uma das publicações e voltou a defender Mingyu.

No novo anúncio, a Pledis disse que conversou com o autor de outra publicação que acusava com Mingyu e declarou ter investigado o assunto com ex-colegas do artista. “O artista deixou claro que não se lembrava do ocorrido relatado pelo autor da publicação e disse que nunca incentivou nenhuma agressão assistindo, rindo ou fazendo comentários ofensivos. O autor citou o nome das pessoas que o atacaram, então comparamos as declarações dessas pessoas com depoimentos de outros estudantes que disseram ter testemunhado o ocorrido. Ninguém se lembra do incidente como foi relatado pelo autor da publicação”, explicou a gravadora.

A empresa informou que o autor da publicação concordou em encerrar o assunto, visto que nenhuma das testemunhas confirmou sua versão. A Pledis lamentou que o assunto tenha vindo à tona apenas por uma “lembrança incerta”, mas disse que não tomará ações contra o autor da acusação pois “apurou que ele sofreu diversas agressões durante a vida escolar” que não tinham relação com Mingyu.

“Com isso, nós finalizamos todas as conversas e contatos com as pessoas que foram identificadas como relacionadas ao caso. Iremos emitir novos comunicados se alguma nova informação surgir”, disse a Pledis. A empresa não falou sobre a retomada das atividades de Mingyu.

Acesse nosso canal no Telegram e receba atualizações sobre o mundo do entretenimento asiático