fbpx

Gravadora se manifesta após integrantes do Fanatics serem vítimas de assédio em live


  • 17/09/2020 - 14:19
  • Compartilhe:

Na última quarta-feira (16), um vídeo do grupo Fanatics ganhou repercussão. Em uma live, as cantoras apareceram usando shorts e saias curtas. Em um momento da transmissão, uma mulher oferece peças de roupas para que elas cubram suas pernas e fiquem mais à vontade. No entanto, essa mulher é recriminada por uma voz masculina nos bastidores, que diz que eles estavam tentando mostrar as pernas das cantoras e ela não deveria tentar cobrí-las.

Em resposta, a gravadora do grupo, a FENT, se manifestou nesta quinta-feira (17).

“Como agência, reconhecemos a seriedade do incidente em que um de nossos funcionários fez comentários inadequados durante a transmissão do Fanatics no V Live, no dia 7 de setembro. Em primeiro lugar, gostaríamos de pedir desculpas às integrantes e aos fãs que se ofenderam com isso”, disse a empresa.

“A agência reconhece que os comentários inadequados de nosso funcionário foram errados e não há desculpa para isso”, afirmou a FENT, que afirmou que “tomará mais cuidado para que esse tipo de incidente não se repita no futuro”.

Em redes sociais, fãs do grupo cogitaram se funcionário em questão não era na verdade um dos diretores da empresa e se a mulher que foi tentou cobrir as penas das garotas não era uma das outras integrantes do grupo.

O Fanatics começou sua carreira em 2019, com o EP “The Six”. Participaram da live apenas quatro das oito integrantes do grupo.