JYP Entertainment diz que acusações de bullying contra Youngjae, do GOT7, eram falsas


  • 22/10/2020 - 17:04
  • Compartilhe:

A gravadora JYP Entertainment voltou a falar sobre as acusações de que o cantor Youngjae, do grupo GOT7, teria praticado bullying contra colegas enquanto era estudante. Nesta quinta-feira (22), a empresa emitiu um novo comunicado afirmando que apurou as informações e concluiu que as acusações eram falsas.

No último dia 20, dois internautas usaram uma rede social para publicar relatos, dizendo que foram vítimas de violência de Youngjae na época do colégio. Os autores das postagens disseram que eles estudaram com o artista no Colégio Técnico de Mokpo e que Youngjae “batia neles sem motivo”. No dia seguinte, a JYP Entertainment divulgou um comunicado, afirmando que de fato houve desentendimentos entre Youngjae e os colegas, mas que iria “apurar a verdade sobre a situação”.

Nesta quinta-feira, a empresa disse que encontrou pessoalmente com os ex-colegas de Youngjae e que não encontrou evidências das acusações. “Apesar dos autores terem feito declarações que estavam de acordo com o que foi divulgado na internet, eles não conseguiram fornecer nenhuma evidência para sustentar suas alegações de que foram vítimas de violência na escola”, afirma a JYP Entertainment no comunicado.

“Sobre esse e outros casos, gostaríamos de informar que iremos tomar medidas legais em casos de difamação, de propagação de informações sem fundamento, sem nenhuma evidência material ou rumores adicionais”, finalizou a gravadora em comunicado.