JYP Entertainment diz que pedirá nova investigação sobre acusação de bullying contra Lia, do ITZY


  • 16/06/2021 - 15:28
  • Compartilhe:

Polícia encerrou as investigações por falta de provas sobre o caso de Lia

A gravadora JYP Entertainment divulgou um comunicado na última terça-feira (15) informando que pedirá uma nova investigação sobre o caso da internauta que acusou Lia, do ITZY, de bullying.

Em fevereiro, quando internautas sul-coreanos iniciaram uma onda de movimento “antibullying”, Lia foi uma das celebridades acusadas de ter praticado violência escolar. Uma suposta ex-colega de Lia divulgou uma publicação na internet, dizendo que “uma famosa cantora que nasceu no ano 2000″ praticou atos que fizeram com que a autora da postagem fosse “excluída sem motivos” por outros colegas. Na época, a JYP Entertainment negou as acusações e informou que entraria com medidas legais por difamação.

No início desta semana, a Delegacia de Polícia de Incheon Yeonsu informou que encerrou o caso por faltas de provas.

Em um novo comunicado, a gravadora informou que solicitará uma nova investigação, visto que “o fato da polícia não ter conseguido provar que as acusações são falsas, não indicam que a polícia tenha reconhecido as acusações como verdadeiras”.

A JYP Entertainment informou que identificou publicações na internet desde 2018 com acusações falsas sobre o assunto e informou que tomou medidas legais sobre o caso em dezembro do ano passado. “Usando relatórios de fãs e nosso monitoramento de rotina de postagens como referência, nossa empresa atualmente tem um sistema de ação legal regular contra postagens virtuais maliciosas”, informou a gravadora.

“Nossa artista e nossa empresa planejam entrar com um recurso e pedir uma nova investigação sobre a acusação de difamação. Queremos que a verdade seja claramente revelada por meio de uma investigação mais profunda”, disse a JYP. “Acreditamos que ao mesmo tempo que é inaceitável que existam vítimas que sofreram injustamente na escola, também é inaceitável que existam vítimas que sofram por acusações falsas e afirmações distorcidas”, finaliza o comunicado.

Clique para ler essa e outras entrevistas exclusivas

Acesse nosso canal no Telegram e receba atualizações sobre o mundo do entretenimento asiático