Pedido de medida protetiva de Nichkhun, do 2PM, contra stalker é negado pela justiça


  • 26/11/2020 - 16:22
  • Compartilhe:

O pedido de medida protetiva solicitado pelo cantor Nichkhun, do grupo 2PM, contra uma mulher que estaria perseguindo o artista, foi negado pela justiça sul-coreana. O veredito do
Tribunal Distrital Central de Seul foi divulgado nesta semana.

Em agosto, a imprensa coreana noticiou que Nichkhun havia solicitado uma medida restritiva contra uma mulher no início de julho, identificada pelo portal apenas pelo sobrenome “Kim”. A mulher estaria perseguindo o cantor de forma obsessiva.

A justiça coreana, no entanto, recusou o pedido de Nichkhun, após ouvir o depoimento da mulher. “Ela informou durante o depoimento que não tem mais intenção de perseguir Nichkhun. Como não foram apresentadas evidências de que a mulher voltou a agir da mesma forma nos últimos três meses, não foi possível determinar se ela voltará a perseguí-lo no futuro”, disse a corte.

“No entanto, se a mulher entrar em contato ou se aproximar de Nichkhun contra sua vontade, ele pode solicitar uma medida restritiva provisória caso ela volte a interferir em sua vida novamente”, declarou a corte.