SM Entertainment é condenada a pagar R$96 milhões por sonegação de impostos


  • 05/02/2021 - 15:26
  • Compartilhe:

SM Entertainment foi investigada por transações irregulares

A gravadora SM Entertainment foi condenada a pagar 20,2 bilhões de wones (cerca de R$96 milhões) para regularizar sua situação fiscal. As informações foram divulgadas na imprensa coreana nesta sexta-feira (5).

A SM Entertainment foi investigada pelo Escritório Regional de Impostos de Seul após suspeitas de sonegação fiscal. Autoridades financeiras teriam desconfiado de transações realizadas pela empresa e os auditores fiscais teriam detectado a saída de capital da empresa em transações realizadas pelo empresário Lee Soo Man, fundador da gravadora, que não foram devidamente declaradas.

Em resposta, a SM Entertainment informou que colaborou com as investigações. A empresa, casa de nomes como EXO, NCT e Red Velvet, declarou que fará o pagamento da multa antes do prazo previsto, mas que entrará com um recurso para contestar a decisão do escritório de audição fiscal. O valor pago pela SM Entertainment representa, segundo a imprensa coreana, cerca de 3% do capital social da gravadora.

A SM Entertainment já foi investigada por sonegação fiscal em 2009 e 2014. Na última audição fiscal, a empresa foi condenada a pagar 10,2 bilhões (cerca de R$48 milhões).

Acesse nosso canal no Telegram e receba atualizações sobre o mundo do entretenimento asiático