Xiao Zhan desabafa em carta aberta para fãs


  • 01/03/2021 - 17:19
  • Compartilhe:

Xiao Zhan comentou sobre “cancelamento” que sofreu na China

O cantor e ator Xiao Zhan escreveu uma carta aberta para seus fãs, publicada em seu perfil oficial no Weibo, no último final de semana. O artista escreveu um longo texto, em que comentou o aniversário de um ano da polêmica em torno do artista e da “derrubada” do site de Archive of Our Own (AO3).

A polêmica completou um ano no último dia 27. Em fevereiro do ano passado, uma fanfic publicada no AO3 que narrava um romance entre Xiao Zhan e Wang Yibo, do UNIQ, que contracenaram no drama “The Untamed”, foi supostamente denunciada para o governo chinês, que retirou o site do ar. A denúncia de “conteúdo explícito” na fanfic teria sido supostamente feita pelos fãs de Xiao Zhan. Na história, o ator foi retratado como um garoto de programa que se veste de mulher e Yibo como um estudante que se apaixona por Xiao Zhan.

Com a retirada do site do ar, muitos internautas chineses se revoltaram contra os fãs de Xiao Zhan. A polêmica gerou boicotes ao artista e durante o ano o cantor permaneceu afastado dos holofotes. Por fim, Xiao Zhan acabou sendo temporariamente “cancelado” sem ter, de fato, qualquer responsabilidade sobre o ocorrido.

Em um longo texto, Xiao Zhan disse que “tinha algumas coisas para dizer”. “Eu pensei nisso de várias formas. No final, decidi usar a forma mais simples de falar a todos sobre meus sentimentos e percepções durante o ano. Esses pensamentos podem não representar nada, e muito menos resolverão alguma coisa, mas ainda quero dizer essas palavras hoje”, introduziu o artista.

“Nesse mesmo dia, no ano passado, uma tempestade aconteceu de forma muito repentina, como um explosivo que detona de repente. O meu telefone não parou de tocar, o som das notificações do WeChat (aplicativo de mensagens instantâneas) não parava, assim como as perguntas e opiniões de todos. Eu queria falar na hora, mas não sabia o que dizer”, confessou o artista. “Tive medo de que cada palavra fosse interpretada de forma errada, o que causaria ainda mais problemas. Então, na hora, optei por não dizer nada”, disse Xiao Zhan.

O ator disse que viu o assunto “crescer como uma bola de neve” enquanto ele “perdia o controle”. “Questionei o que eu havia feito de errado e porque tudo ficou como um navio desgovernado desde aquele dia”, continuou.

“Levei muito tempo para digerir e demorei muito para entender o que me disseram. Lentamente, comecei a entender porque as pessoas estavam me criticando. A partir do momento que não me expressei, perdi a oportunidade de ter uma conversa racional com todos”, escreveu. “Perdi a oportunidade de me comunicar e também perdi a oportunidade de canalizar esse conflito”. Em seguida, Xiao Zhan se desculpou por ter “perdido sua voz” diante do caso.

Depois, o artista comentou sobre a conduta de seus fãs. Na época, Xiao Zhan foi criticado por não “orientar” seus fãs, que supostamente causaram a derrubada do site. “Em uma entrevista no ano passado, eu disse que não concordo com a ideia de que artistas devem ‘gerenciar’ seus fãs, pois estamos falando de indivíduos independentes, e nem eu e nem meu estúdio estamos qualificados para assumir uma posição de ‘gestão’ sobre eles”, explicou Xiao Zhan. “Hoje, quero dizer aos meus fãs que todos têm o direito de gostar ou não e que devem ser respeitados em seu devido espaço de expressão. Mas esse direito deve ser baseado em uma racionalidade, de forma que não cause danos a terceiros”, explicou Xiao Zhan, que deixou claro que “todos devem ser responsáveis por suas próprias palavras ou atitudes”. “Além do mais, espero que cada um de nós não seja julgado por um rótulo, como ‘fãs de fulano’, e muito menos sejamos julgados como bons ou maus por isso. Cada um tem seus próprios interesses e preferências, e devemos respeitar a liberdade de escolha de cada um, seja você igual a mim ou mesmo que você me odeie, esse é o seu direito como indivíduo”, continuou. “Talvez eu não possa mudar tudo, mas pelo menos para mim e para você, hoje pode ser um novo começo”, escreveu.

Xiao Zhan também falou sobre o início de sua carreira artística. Antes de se tornar uma celebridade, como integrante do grupo X Nine, Xiao Zhan trabalhava como designer. “Nasci em Chongqing (município no sudoeste da China), em uma família comum, e passei 20 anos vivendo uma vida simples”, explicou. “Tentarei aprender como me tornar uma ‘figura pública’ melhor enquanto faço um bom trabalho, de modo que ‘os dois Xiao Zhan’ possam se aceitar, se integrar e se tornar um ‘eu melhor'”, escreveu o artista, que disse ter sido motivado a se tornar uma celebridade por seu amor “pela música e pela atuação”.

No fim do texto, o artista disse que espera que as “pessoas que gostam dele, possam agir com mais racionalidade em relação aos seus gostos e desgostos pessoais” e pediu que as pessoas se esforcem mais em “suas vidas reais”, ao invés de dar voz à disputas “do mundo virtual”. “Seja uma versão melhor de você mesmo”, sugeriu Xiao Zhan.

Xiao Zhan começou sua carreira no grupo X Nine, em 2016, e ganhou reconhecimento ao interpretar Wei Wuxian em “The Untamed”, adaptação em live action do romance BL “Mo Dao Zu Shi”, em 2019. Na música, seu trabalho mais recente é “Made To Love”, single lançado em abril do ano passado, que superou “Shape of You”, do Ed Sheeran, como música mais ouvida em plataformas de streaming no mundo, com mais de 41 milhões de audições. O trabalho mais recente de Xiao Zhan na TV é o drama “Douluo Continent”, que foi lançado no mês passado. Outro drama protagonizado pelo artista, “The Oath of Love”, deve ser lançado em breve.

Acesse nosso canal no Telegram e receba atualizações sobre o mundo do entretenimento asiático