Yuehua Entertainment nega que funcionária da empresa seja “hater” de Xiao Zhan


  • 17/11/2020 - 18:56
  • Compartilhe:

A gravadora Yuehua Entertainment divulgou um comunicado, na última segunda-feira (16), esclarecendo rumores sobre uma funcionária de sua empresa. O assunto dos rumores se referem à polêmica do gerada em torno da “derrubada” do site de fanfics Archive of Our Own (AO3).

A polêmica começou em fevereiro deste ano. Uma fanfic publicada no AO3 que narrava um romance entre Xiao Zhan e Wang Yibo, do UNIQ, que contracenaram no drama “The Untamed”, foi supostamente denunciada para o governo chinês, que retirou o site do ar. A denúncia de “conteúdo explícito” na fanfic teria sido supostamente feita pelos fãs de Xiao Zhan. Na história, o ator foi retratado como um garoto de programa que se veste de mulher e Yibo como um estudante que se apaixona por Xiao Zhan.

Com a retirada do site do ar, muitos internautas chineses se revoltaram contra os fãs de Xiao Zhan. A polêmica gerou boicotes a Xiao Zhan e durante o ano o artista permaneceu afastado dos holofotes. No entanto, a “derrubada” do site não foi, segundo alguns internautas, causada pela denúncia dos fãs de Xiao Zhan e sim parte de um plano do governo chinês de retirar do internet conteúdo violento ou sexualmente explícito.

Enquanto Xiao Zhan começa a retomar sua carreira, o assunto voltou à tona nesta semana no Weibo, o “Twitter chinês”. Internautas chineses identificaram que a autora da fanfic tem o mesmo nome de uma das funcionárias da equipe de Xiao Zhan, o que foi suficiente para iniciar uma discussão sobre a autoria da fanfic, que foi publicada pelo usuário “Melody”. Em resposta, a funcionária de Xiao Zhan afirmou que tudo isso era “sem sentido” e que não passava de um rumor.

O assunto também foi direcionado para Wang Yibo, que apesar de ser retratado na fanfic, não foi afetado pelo incidente. Usuários do Weibo afirmaram ter evidências de que “Wang Fugui”, uma conhecida “hater” de Xiao Zhan e responsável por inflamar as discussões contra o artista, seria parte da Yuehua Entertainment e da equipe pessoal de Wang Yibo.

Em comunicado, a empresa afirmou que o “hater de determinado artista” definitivamente não faz parte de seu quadro de funcionários e que não pertence à equipe de Wang Yibo. A gravadora ainda afirmou que se reserva no direito de entrar com ações legais contra os rumores.

Em resposta, a “hater Wang Fugui” confirmou que não possui ligação com a Yuehua Entertainment e disse que é “apenas uma pessoa normal que boicota a carreira de Xiao Zhan”.